Conheça Mais Sobre o Peixe Corvina

A Corvina é um peixe de água doce, conhecida popularmente como Cruvína, pescada branca ou ainda pescada do Piauí.

Com relação a sua disposição geográfica, a sua espécie é distribuída nos rios Parnaíba, Trombetas, Negro, e também no Rio Amazonas. A empresa atualmente vem introduzida no sudeste por empresas de setores hidrelétricos nas bacias do rio da Prata e São Francisco, bem como nos açudes do nordeste.

Quanto ao seu habitat, a Corvina é um peixe que habita os poços, os remansos, e os reservatórios, vivendo em lugares fundos e que tem meia água.

Quanto a sua alimentação, temos um peixe considerado piscívoro, que se alimenta de outros peixes e de camarões, com uma predominância de um ou outro dependendo dos locais que vivem.

Saiba mais sobre a reprodução do Peixe Corvina e Características.

Quanto a reprodução da Corvina, podemos citar que os períodos de desova do peixe de água doce Corvina acontece durante o ano inteiro, com um pico de desova nos meses de setembro e outubro.

Como características da Corvina podemos citar que o peixe é um peixe de escamas, com coloração em prata e azulada, boca oblíqua, com um grande número de dentes recurvados e pontiagudos.

Este é um peixe que possui seus dentes na faringe e a parte anterior dos arcos branquiais apresentando projeções devidamente afiadas com uma margem interna denteada.

É possível com isto se contar com espinhos nas nadadeiras e duas nadadeiras dorsais. O peixe não conta com nadadeiras adiposas, e é capaz de reproduzir os sons bem audíveis por meio de músculos que são associados a uma bexiga aérea, o que age como um tipo de câmara de ressonância, podendo alcançar mais de 50 cm e atingir até mesmo 4,5 kg.

A maior localização para pescas de corvina está no litoral próximo de formações rochosas, quando a espécie está próxima dos cardumes de muriçocas, e elas então batem com a cabeça na pedra para intimidar as suas presas.