Conheça o Peixe Lampreia

As Lampreias são consideradas como anádromas, ou seja, peixes que se reproduzem na água doce, em contrapartida que migram posteriormente para o mar para se desenvolver até quando adultos. Conheça um pouco mais sobre o peixe Lampreia e suas características.

Características do peixe Lampréia.

O peixe lampréia possui um corpo cilíndrico e liso, junto de um formato de enguia, cauda comprida e as escamas, estas que inclusive são excretoras de muco pelo seu corpo.

Sua boca surge em formato circular, e de diâmetro idêntico ao do seu corpo e é reforçada por um anel de cartilagem. Sua boca se apresenta repleta de dentes córneos, e uma língua raspadora e cartilaginosa, mas não conta com uma mandíbula.

Seu esqueleto apesar de não ser ósseo, conta com regiões cartilaginosas calcificadas em seu endoesqueleto, enquanto que a coluna vertebral é formada por corda dorsal, mas com pequenos reforços de ordem cartilaginosa, chamados de arcualia dorsal.

Publicidade:

Diferenciais sobre a espécie.

A lampreia desde sua fase larvar pode viver até sete anos em rios onde nascem, e depois sofrem uma metamorfose para chegar em sua fase adulta migrando para o mar.

Quando estão em água salgada, se desenvolvem até atingir uma devida maturidade sexual, um processo que poderá chegar em um a dois anos para depois retornar a sua água doce, reproduzir e também morrer. Por período fértil, são gerados milhares de ovos pequenos, estes enterrados em ninhos, por cada uma das fêmeas sem uma reserva devidamente nutritiva.

Algumas das espécies se apresentam como parasitas que sugam o sangue de outros peixes por fendas abertas por uma língua raspadora. Esta é uma ação que serve como alternativa de locomoção. Este tipo de ação faz com que aos poucos, o sistema digestivo do animal atrofie, e passe a se dedicar apenas para uma reprodução.

 

Dicas relacionadas: